domingo, 23 de outubro de 2016

ÓPERA DE SYDNEY / AUSTRÁLIA - Inspirado em templos maias e no iate do pai do projetista, essa construção icônica tem uma acústica que não eh das melhores, mas quem se importa?




LINHA DO TEMPO DA "ÓPERA DE SYDNEY" / SYDNEY / AUSTRÁLIA / WORLD
OPERA DE SYDNEY / SYDNEY / AUSTRÁLIA
foto - ?
Essa construção foi eleita um dos projetos arquitetônicos mais inovadores do século 20. Inspirado em templos maias e no iate do pai, o dinamarquês Jorn Utzon começou, em 1959, a erguer o monumento mais fotografado da Austrália, palco das principais apresentações clássicas, óperas e balés do país. A construção icônica tem uma acústica que não é das melhores, mas quem se importa? Uma curiosidade: Utzon, após uma briga com o governo australiano, largou a construção incompleta e nunca a visitou. As visitas guiadas são diárias, duram uma hora e saem por A$ 35,00.
foto - ?
A CASA DA ÓPERA DE SYDNEY (EM INGLÊS: SYDNEY OPERA HOUSE)
Depois de obter a vitória em uma competição internacional em 1959 o arquiteto dinamarquês Jørn Utzon começou a construção de seu edifício controverso da Ópera House, em Sydney, Bennelong Point, na ideia de que o mesmo arquiteto definiu como "fatias de laranja". Os extraordinários problemas de engenharia complexos que enfrentarsm Utzon causou o atraso na conclusão do projeto, o engenheiro havia anunciado o fim em três anos e um custo de três milhões de dólares australianos, quando o prédio foi concluído 15 anos depois de sua criação, com um custo total de 102 milhões de dólares. Utzon abandonou o projeto, porque a qualidade do som no interior do edifício não correspondia a sua espetacularidade exterior.
O edifício, que está estruturado com uma série de casco marítimo, hospeda vários complexos de cinema, todos organizados no eixo central e axialidade. Ele tem mais de 1.000 salas, a maioria deles dedicados a estudos de música, com capacidade para mais de 5.000 pessoas confortavelmente sentadas.
foto - Mauro Diotto e Mara
TAMBÉM CONHECIDA COMO TEATRO DE SYDNEY, É UM DOS EDIFÍCIOS DE ESPETÁCULO MAIS MARCANTES A NÍVEL MUNDIAL, E UM DOS SÍMBOLOS DA AUSTRÁLIA, LOCALIZADA NA CIDADE DE SYDNEY.
A CONSTRUÇÃO, PROJETADA POR JØRN UTZON, COMEÇOU EM 1959 E ESTÁ LOCALIZADA SOBRE A BAÍA DE SYDNEY. APESAR DO ARQUITETO TER ABANDONADO O PROJETO EM 1966, FOI INAUGURADA EM 1973.
foto - Ikzip
QUANDO O EDIFÍCIO DA ÓPERA DE SYDNEY FICOU CONCLUÍDO EM 1973, CONSTITUIU UMA MARCA GEOGRÁFICA, NA VERDADEIRA ACEPÇÃO DA PALAVRA, QUE COLOCOU TODO O CONTINENTE AUSTRALIANO NO MAPA MUNDIAL.
foto - ?
LOCALIZAÇÃO
Opera é construído sobre uma pequena península, em Bennelong Point, no lado sul da baía deSydney, Austrália. Ele está localizado no nordeste do Sydney Central Business District (CBD), cercada em três lados pelo porto (Sydney Cove e Farm Cove) e até o Jardim Botânico Real.foto - Photo KC
foto - Photo.kc
O MAIOR AUDITÓRIO, CONHECIDO COMO CONCERT HALL, TEM CAPACIDADE PARA 2690 ESPECTADORES SENTADOS.
FICA PRÓXIMA A PONTE DA BAÍA DE SYDNEY, UMA FAMOSA PONTE NA CIDADE.
foto - Narcis 76

fonte / fotos = Wikipédia / Thymonthy Becker / viajeaqui.abril.com.br / Divulgação / 



BIBLIOTECA MARCIANA / VENEZA / ITÁLIA - Com as mais Ricas coleções de manuscritos do mundo dentre 1.000.000 de obras impressas




LINHA DO TEMPO DA "BIBLIOTECA MARCIANA" / VENEZA / ITÁLIA
BIBLIOTECA MARCIANA / VENEZA / ITÁLIA
A BIBLIOTECA NAZIONALE MARCIANA (OU SEJA, A BIBLIOTECA DE SÃO MARCOS, PADROEIRO DE VENEZA)
É A MAIS IMPORTANTE BIBLIOTECA DE VENEZA E UMA DAS MAIORES DE ITÁLIA. CONTÉM UMA DAS MAIS RICAS COLEÇÕES DE MANUSCRITOS DO MUNDO.
É CONHECIDA EM ITALIANO SOB OS NOMES ALTERNATIVOS DE BIBLIOTECA DI SAN MARCO, LIBRERIA MARCIANA, LIBRERIA SANSOVINIANA, LIBRERIA VECCHIA, LIBRERIA DI SAN MARCO OU SIMPLESMENTE LA MARCIANA.
OCUPA PARTE DOS EDIFÍCIOS DA PRAÇA DE SÃO MARCOS NA PIAZZETTA DEI LEONCINI, NA MARGEM DO GRANDE CANAL DE VENEZA.
EM 1362 PETRARCA PROPÔS QUE FOSSE CRIADA UMA BIBLIOTECA PÚBLICA EM VENEZA. O PROJETO NÃO SE REALIZOU, MAS O POETA LEGOU A SUA BIBLIOTECA PESSOAL À CIDADE (HOJE ESTÁ CONSERVADA NA "MARCIANA").
O PRIMEIRO PASSO PARA A BIBLIOTECA PÚBLICA DATA DA DOAÇÃO DO CARDEAL BESSARION, QUE ENTREGOU OS SEUS LIVROS À REPÚBLICA DE VENEZA AD COMMUNEM HOMINUM UTILITATEM (EM 31 DE MAIO DE 1468): 746 MANUSCRITOS DOS QUAIS 482 EM GREGO E 246 EM LATIM, AOS QUAIS SE JUNTARAM 250 OUTROS MANUSCRITOS APÓS A MORTE DO DOADOR.
A BIBLIOTECA VIU AS SUAS COLEÇÕES ENRIQUECEREM GRAÇAS A INÚMERAS DOAÇÕES E LEGADOS, BEM COMO POR INCORPORAÇÃO DE OUTRAS BIBLIOTECAS DA CIDADE E DA REPÚBLICA.
UMA IMPORTANTE PARTE DAS OBRAS PROVÉM DE CONSTANTINOPLA, DEPOIS DA CIDADE TER SIDO TOMADA PELOS OTOMANOS: ISTO FEZ DE VENEZA O PRINCIPAL CENTRO DE ESTUDO DOS CLÁSSICOS GREGOS, O QUE ATRAIU NUMEROSOS HUMANISTAS. UM CERTO NÚMERO REUNIA-SE EM VOLTA DE ALDE MANUCE NA ACADEMIA ALDINA.
EM 1603, UMA LEI ENTROU EM VIGOR, IMPONDO A TODOS OS IMPRESSORES DE VENEZA O DEPÓSITO DE UMA CÓPIA DE CADA OBRA À MARCIANA. ESTA ÚLTIMA TORNA-SE ASSIM A BIBLIOTECA CENTRAL DA REPÚBLICA.
DEPOIS DA QUEDA DA REPÚBLICA, AS COLEÇÕES DOS ESTABELECIMENTOS RELIGIOSOS, SUPRIMIDAS POR NAPOLEÃO FORAM PARA A MARCIANA.
A BIBLIOTECA TEM HOJE O ESTATUTO DE BIBLIOTECA PÚBLICA DO ESTADO. AS SUAS COLEÇÕES INCLUEM:
1.000.000 DE OBRAS IMPRESSAS ANTIGAS E MODERNAS
2.283 INCUNÁBULOS
13.000 MANUSCRITOS
24.055 LIVROS DO SÉCULO XVI
AS OBRAS MAIS CONHECIDAS SÃO DOIS CÓDICES DA ILÍADA, O HOMERUS VENETUS A (SÉCULO X) E O HOMERUS VENETUS B (SÉCULO XI). ENCONTRA-SE IGUALMENTE NA MARCIANA A CHRONOLOGIA MAGNA DE FRA PAOLINO, MANUSCRITO DE PLÍNIO, CÓPIA DE 1481 QUE PERTENCEU A GIOVANNI PICO DELLA MIRANDOLA, UM EXEMPLAR DO PRIMEIRO LIVRO IMPRESSO EM VENEZA, NUMEROSAS EDIÇÕES ALDINAS, UMA RICA COLEÇÃO DE CARTAS E DE ATLAS (INCLUINDO UMA CÓPIA DO MAPA-MÚNDI DE FRA MAURO), DENTRE OUTROS


fonte / fotos = Wikipédia / Thymonthy Becker / Divulgação / 


SÃO JOSÉ DO RIO PRETO / SÃO PAULO - Turismo de negócios, atividade agroindustrial, movimentado centro numa cidade rica, culta e bela




LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "SÃO JOSÉ DO RIO PRETO" / SÃO PAULO / BRASIL
A cidade mostra atividade durante todo o ano em decorrência do turismo de negócios, com atividade agroindustrial, investimentos em comércio e a grande movimentação das clínicas, hospitais e a Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp). No GUIA BRASIL, o restaurante Flor de Sal conquista sua primeira estrela e entra para a elite da gastronomia no país
SÃO JOSÉ DO RIO PRETO / SÃO PAULO / BRASIL
foto - Evandro Rocha
BEM VINDO A CIDADE DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO.
imagem - Rodrigo
População estimada 2016 (1) - 446.649
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 431,944
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 945,12
Código do Município 3549805
Gentílico - rio-pretense
ORIGEM DO NOME
O lugar recebeu a denominação "São José do Rio Preto", que é a junção do nome do padroeiro “São José” e do “Rio Preto” que passa na região.
Gentílico: rio-pretense
HISTÓRICO

Desbravamento e ocupação do solo do sertão brasileiro. Assim começa a história de São José do Rio Preto, quando, a partir de 1840, mineiros fixaram-se aqui e deram início à exploração agrícola e à criação de animais domésticos.
Em 1852, Luiz Antônio da Silveira doou parte de suas terras ao seu santo protetor, São José, para que o patrimônio desse origem a uma cidade. Em 19 de março daquele ano, considerado o dia da fundação da cidade, João Bernardino de Seixas Ribeiro, que já havia construído uma casa de sapé nas terras do patrimônio, liderou os moradores da vizinhança para erguer um cruzeiro de madeira e edificar uma pequena capela.
A lei n° 294, de 19 de julho de 1894, desmembrou São José do Rio Preto de Jaboticabal e a transformou em município. Era um imenso território, limitado pelos rios Paraná, Grande, Tietê e Turvo, com mais de 26 mil km2 de superfície. Neste mesmo ano, foi nomeado o primeiro intendente.
A origem do nome do município vem da junção do padroeiro da cidade "São José" e do rio que corta o município, o Rio Preto. A partir de 1906, a cidade teve seu nome reduzido para Rio Preto. Somente em 1945, foi retomado o nome original de São José do Rio Preto.
Com a chegada da Estrada de Ferro Araraquarense (EFA), em 1912, a cidade assumiu uma importante posição de pólo comercial de concentração de mercadorias produzidas no então conhecido "Sertão de Avanhandava" e de irradiação de materiais vindos da capital.
foto - ?
FLOR DE SAL BISTRÔ / RESTAURANTE
O chef Tiago Caparroz se desdobra entre a cozinha daqui e a da filial de Ribeirão Preto. De entrada, prove as deliciosas lulas à provençal, com um equilibrado molho à base de tomate, alho e salsinha.
Dica
de segunda a quinta, o menu confraria (R$ 59) inclui receitas ainda em teste, sempre com couvert, entrada, prato principal e sobremesa. É preciso reservar (até as 17h do mesmo dia).
INFORMAÇÕES
Especialidade: francesa
De R$ 51,00 a R$ 75,00
Horário de funcionamento:
Segunda a sábado, das 19h30 à 0h; domingo, das 12h às 16h.
Endereço
R. Generosa Bastos, 3135
Redentora
(17) 3121-6500 (Fone)
flordesalbistro.com
QUALITY HOTEL SAINT PAUL 
Localizado em uma avenida movimentada, mas de fácil acesso, tem no serviço o seu ponto alto. Os quartos femininos têm ebulidor, carta de chás e utensílios como lixa de unha, acetona e meia-calça (cobrados à parte). 
Hotel excelente relativamente próximo do centro, mas em uma região muito tranquila da cidade, próximo dos órgãos públicos, shoppings e fácil acesso a rodovia. Quartos com impecável limpeza, café da manhã exageradamente completo e tudo isso com preços relativamente acessíveis.


HOTEL PLAZA INN
O Plaza Inn Economic oferece uma comodidade aliado a um custo benefício muito recompensador. Este empreendimento possui apartamentos amplos e novos, tornando-se uma excelente opção de hospedagem na cidade. Por ser um hotel horizontal, é de fácil locomoção, perfeito para grupos de terceira idade. Além da área de lazer, o Plaza Inn Economic conta com centro de eventos, completa estrutura gastronômica e uma localização privilegiada, na Rodovia Washington Luiz, perto de Mirassol, Barreto, Lins e Olímpia.


CHAFARIZ
imagem - André Bonacin
SEDE DO PODER LEGISLATIVO - CÂMARA DE VEREADORES -
imagem - Wikipédia
CENTRO DE EVENTOS
imagem - Renato
SEDE DO PODER EXECUTIVO - PREFEITURA -
imagem - Old Boy
CONHEÇA UM POUCO MAIS DA CIDADE DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO
imagem - ?
imagem - Wikipédia
imagem - ?
imagem - ?
imagem - Rodrigo
imagem - André Bonacin
imagem - Rodrigo
imagem - Rodrigo
imagem - Old Boy
imagem - Old Boy
imagem - Old Boy
imagem - Rodrigo
imagem - Rodrigo
imagem - Old Boy
imagem - Rodrigo
imagem - Rodrigo
REPRESA MUNICIPAL
imagem - André Bonacin
imagem - Old Boy
imagem - André Bonacin
imagem - Valmir José Batista
imagem - Old Boy
imagem - André Bonacin
BIBLIOTECA MUNICIPAL
imagem - Wikipédia
AFILIADA DA TV GLOBO
imagem - Rodrigo
TEATRO DO SESI
imagem - Old Boy
TEATRO MUNICIPAL
O Teatro Municipal "Humberto Sinibaldi Neto" foi inaugurado em janeiro de 1973, na praça Cacilda Becker, no Jardim Universitário. O prédio passou por uma reforma e um processo de descupinização. Atualmente, o local tem bilheteria informatizada e capacidade para 424 lugares, sendo quatro para deficientes físicos. O Teatro possui, ainda, seis camarins e um moderno equipamento de iluminação e som. O palco, cuja boca de cena possui 12,5 metros de largura, sete metros de altura e 15,6 metros de profundidade, está capacitado para receber grandes produções artísticas.
foto - Fábio Vasconcelos
ESTAÇÃO FERROVIÁRIA
imagem - ?
BOSQUE MUNICIPAL
O Bosque Municipal foi fundado em 1973, durante a administração do prefeito Wilson Romano Calil. O complexo possui playground, mata nativa e um zoológico com aproximadamente 500 animais, divididos entre 130 espécies. Semanalmente, entre 3 mil e 4 mil pessoas visitam o Bosque. Nos finais de semana, as famílias compõem a maior parte do público. Nos dias úteis, os alunos das escolas de São José do Rio Preto e região lideram as visitas. O Zoológico possui cerca de 500 animais exóticos e da fauna nacional, divididos em 130 espécies, como: leão, tigre, suçuarana,mico-leão-da-cara-dourada, marreco mandarim, lobo-guará, hipopótamo, tamanduá-bandeira, entre outros.


ZONA RURAL
imagem - Old Boy
ESTAÇÃO RODOVIÁRIA
imagem - ?
ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO, SP
ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO, SP

fonte / fotos = Portal da Prefeitura / Wikipédia / Thymonthy Becker / IBGE / viajeaqui.abril.com.br / Divulgação /