Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

WASSERSTRASSENKREUZ / ALEMANHA - RIO POR CIMA DE RIO - COM 920 METROS DE COMPRIMENTO, A MAIOR PONTE NAVEGÁVEL DO MUNDO EH UMA ATRAÇÃO TURÍSTICA

LAMBARI / MINAS GERAIS - Procurada por suas belezas naturais e, principalmente, por sua água mineral, eleita a 3ª melhor do mundo capaz de curar doenças




LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "LAMBARI" / MINAS GERAIS / BRASIL

BEM VINDO A CIDADE DE LAMBARI. CUJA ÁGUA MINERAL EXTRAÍDA AQUI, CURA DOENÇAS. SEGUNDO RELATOS DO LUGAR.
foto - Paulo Mauricio
TEVE SUA FONTE HIDROMINERAL DESCOBERTA EM 1780, POR UM CABOCLO DE CAMPANHA, ANTÔNIO DE ARAÚJO DANTAS, QUE ENCONTROU A NASCENTE EM TERRENOS DE SUA PROPRIEDADE OU DOMÍNIO DE SEUS FAMILIARES.
População estimada 2016 (1) - 20.773
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 213,110
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 91,76
Código do Município 3137809
Gentílico - lambariense
ORIGEM DO NOME
LAMBARI (DE ARAMBARI, CORRUPTELA DE ARABARY OU ARABARÉ, VOCÁBULO TUPI-GUARANI QUE SIGNIFICA PEIXINHO OU BARATINHA)
"AQUI UMA VISTA DO CENTRO"
foto - PML
Gentílico: lambariense 
HISTÓRICO 
LAMBARI MINAS GERAIS Monografia - n.° 524 Ano: 1972 
ASPECTOS HISTÓRICOS 
Lambari (de Arambari, corruptela de Arabary ou Arabaré, vocábulo tupi-guarani que significa peixinho ou baratinha), teve sua fonte hidromineral descoberta em 1780, por um caboclo de Campanha, Antônio de Araújo Dantas, que encontrou a nascente em terrenos de sua propriedade ou domínio de seus familiares. 
A partir de 1826, os poderes públicos do Município começaram a interessar-se pela existência da nascente, graças ao trabalho desenvolvido pelo português Inácio Midoens, que exerceu a profissão de médico prático e o cargo de vereador em Campanha. Entre 1830 e 1832, pela quantia de "sem mil reis" (sic), a Câmara Municipal de Campanha desapropriou uma área de doze alqueires do terreno dos herdeiros de Antônio de Araújo Dantas, no local da nascente, para executar obras de proteção da fonte e construir algumas casas para uso dos doentes. 
Até 16 de setembro de 1901, data em que foi criado o Município das Águas Virtuosas, todos os melhoramentos e assistência administrativa a povoação que se formava dependeram de Campanha, Município de que Lambari constituía distrito de paz (criado em 14 de setembro de 1891). A água, logo após a descoberta, recebeu o nome de Água Santa da Campanha, passando depois a ser conhecida por Água Virtuosa da Campanha e Água Virtuosa do Lambari. O núcleo populacional que logo se formou tomou o nome de Águas Virtuosas, topônimo com o qual figurou entre as sedes municipais do Estado até 27 de dezembro de 1930, quando passou a denominar-se Lambari. A mudança final fundou-se em razões de ordem histórica e geográfica, por ser a região conhecida por Lambari, desde antes do descobrimento da água, mercê da existência do rio do mesmo nome, que corta o Município a leste e serve de limite natural aos municípios vizinhos. As primeiras medidas de proteção à água se fizeram sentir a partir de 1860, quando para reunir as duas nascentes encontradas foi construído um poço de 50 centímetros de diâmetro, protegido por um pavilhão coberto de telhas, com gradil de ferro; na mesma época, organizou-se o parque das águas, desviando-se o leito do ribeirão Mombuca. 
Os primeiros estudos científicos sobre a composição da água, em 1872, couberam a uma comissão composta dos Drs. Agostinho José de Souza Lima, José Ribeiro da Costa e Ezequiel Correia dos Santos. Logo após os exames, em 1880, os Drs. Bandeira de Gouveia e Eustáquio Garção Stockler, organizaram a primeira empresa de exploração das águas, e obtiveram os respectivos privilégios. Em 1894 (24 de março), inaugurou-se a estação ferroviária de Águas Virtuosas, fato que concorreu para o progresso da povoação, por facilitar grandemente o acesso de veranistas. No mesmo ano, o privilégio de exploração das fontes foi concedido à Cia. Industrial do Brasil, que, em 1895, tornou-se parte do consórcio "Empresa Caxambu - Lambari - Cambuquira". Data desse ano a construção do estabelecimento aparelhado para banhos e duchas de água mineral; esse estabelecimento permaneceu até 1920, quando com o aumento do parque das águas, teve de ser demolido. Em 1905, iniciaram-se as obras de captação da água, constando primeiramente da separação das duas nascentes, reunidas em 1960 no mesmo poço, e, em seguida, da captação direta das águas nas rochas, a profundidades que variam de 5 a 10 metros; por último, da distribuição à superfície, por meio de grossas manilhas, das quatro fontes até agora aproveitadas. 
Fonte 
IBGE
A CASCATA DO LAGO
foto - Anízio Rezende
A CIDADE É BASTANTE PROCURADA PELAS SUAS DESTACADAS BELEZAS NATURAIS, CLIMA E PRINCIPALMENTE PELA ÁGUA MINERAL, ELEITA NO PASSADO COMO A 3ª MELHOR DO MUNDO E CAPAZ DE CURAR DOENÇAS. HÁ, ORIGINALMENTE, SETE FONTES DENTRE AS QUAIS A Nº 1 E Nº 2 COMPÕEM A MAIOR FONTE DE ÁGUA MINERAL NATURALMENTE GASOSA DO MUNDO.
"AQUI UMA VISTA DE CIMA DO CASSINO"
foto - Helicamera Free Imagens Aéreas
REGIÃO CENTRAL
foto - Jose Antônio e Helicamera
FAROL
foto - Rogerio Cesarino
FEIRA LIVRE
foto - Leonardo Pinelli
O LAGO E O CASSINO
foto - Edu Lacerda
MATRIZ DE NOSSA SENHORA DA SAÚDE
foto - Beatriz Barreto Tanea
PONTE SOBRE O LAGO
foto - Lindinha Rodrigues
AQUI O BOUGAINVILLE. EH A MAIOR ÁRVORE DO GÊNERO DO MUNDO
foto - saudelazer.com
A NOVA PONTE
foto - Microlarm
PALMEIRAS NA ORLA DA LAGOA
foto - Edu Lacerda
ENTRADA DO PARQUE DO CASSINO
foto - Beatriz Barreto Tânea
PARQUE DAS ÁGUAS
Pça. Cons. João Lisboa,
Centro
Além das piscinas de água mineral (jan/abr e set/dez: 9h/17h), abertas aos turistas e moradores, o parque (R$ 1; grátis às 6h/7h30, 11h/13h e 16h/18h) tem seis fontes com águas para fins terapêuticos.
Fonte 1 – Gasosa: Excelente para os rins, vesícula e para os tratamentos de pele. Aplicada também por via muscular nos casos de eczemas e úlceras.
Fonte 2 – Alcalina: usada para estômago e intestino. Aumenta o apetite, pois estimula a produção do suco gástrico.
Fonte 3 – Magnesiana: Usada no tratamento do fígado. Suas águas fluidificam a bílis alcalinizando-a, atuando nas congestões hepáticas e nas cirroses.
Fonte 4 – Ligeiramente Gasosa: Indicada para as crianças.
Fonte 5 – Ferruginosa: Ligeiramente gaseificada. Ação hipotensiva e vasodilatadora.
Fonte 6 – Picante: Cheiro pouco pronunciado de ácido sulfídrico. Quando em repouso apresenta depósito avermelhado (hidrato de ferro). De ação diurética é indicada nos casos de intoxicações endógena e exógena.



RUA DA CIDADE
foto - Geocities
TELEFÉRICO
foto - Lindinha Rodrigues
TRILHA
foto - Diogo Provete
VISÃO GERAL
folto - Microlarm
VISTA AÉREA
foto - Wanderson Rocha
FACHADA DO CASSINO
foto - PML
 ESTA EH A BANDEIRA DA CIDADE DE LAMBARI, MINAS GERAIS
 ESTE EH O BRASÃO DO MUNICÍPIO DE LAMBARI, MINAS GERAIS

fonte / fotos = IBGE / Thymonthy Becker / Divulgação / Wikipédia / viajeaqui.abril.com.br / mineirosnaestrada.com.br / 




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

MARECHAL DEODORO / ALAGOAS - A primeira capital de Alagoas, Patrimônio Histórico Nacional, numa simpática viela de colorido casario colonial, nasceu Marechal Deodoro da Fonseca

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "MARECHAL DEODORO" / ALAGOAS / BRASIL
O centro histórico de Marechal Deodoro em Alagoas tem muitas construções antigas, mas nem tudo está preservado A primeira capital de Alagoas ganhou, em 2006, o título de Patrimônio Histórico Nacional. Reúne um conjunto de dez igrejas, a maioria em ruínas. Entre elas estão a Senhor do Bonfim (1755), no bairro de Taperaguá, a N.S. do Amparo (1757), na Rua Ladislau Neto, e o importante complexo (atualmente em restauração, fechado para visitas) onde ficam o Museu de Arte Sacra, o Convento de São Francisco e a Igreja de Santa Maria Madalena. A casa onde o Marechal Deodoro da Fonseca viveu até os 16 anos é um museu, na rua que leva o seu nome (uma simpática viela de colorido casario colonial). Você pode estacionar o carro ali e, com um guia do museu, conhecer os arredores. foto - ? População estimada 2016 (1) - 51.715
Área da unidade territorial 2015 (km²) - 332,140
Densidade demográfica 2010 (hab/km²) - 138,62
Código…

IGARAPÉ / CAPITAL DO TURISMO ECOLÓGICO

BEM VINDO A IGARAPÉ. ECOLOGICAMENTE, BELA
A origem do município liga-se à passagem da bandeira chefiada por Fernão Dias e Manoel Borba Gato pela região. Atraídos pela abundância de terras virgens, decidem fixar residência no local. Assim, por volta de 1710, inicia-se o povoado. Uma lenda muito conhecida na região diz que a Mãe do Ouro aparece por vezes na serra do Farofa como uma grande bola dourada que surge da terra e sobe, irradiando luz, para lembrar os escravos assassinados após esconderem, a mando de bandeirantes, o ouro por eles encontrado em suas expedições. Antes de chamar Igarapé, o povoado teve três outras denominações: Pousada dos Tropeiros, Lagoa dos Pombos e Barreiro. Em 1962, criou-se o município, que se instalou oficialmente no dia 1º de Março de 1963.
IGARAPÉ TERM HOJE: 34.879 HABITANTES
QUEM NASCE EM IGARAPÉ EH: IGARAPEENSE
O IDH DO MUNICÍPIO EH DE: 0,753 - CONSIDERADO MÉDIO PELOS INDICADORES DA ONU.
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 01 DE MARÇO E FOI…

GUAXUPÉ / MINAS GERAIS / BRAZIL -/ TERRA DO MELHOR CAFÉ DE MINAS

BEM VINDO A CIDADE DE GUAXUPÉ. CIDADE DO CAFÉ.
foto - Leonardo Pinelli
GUAXUPÉ TEM 49.430 HABITANTES - IBGE 2010 -
QUEM NASCE EM GUAXUPÉ EH: GUAXUPEANO
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 01 DE JULHO E FOI EMANCIPADA EM 1.912
ORIGEM DO NOME 

"Caminho das Abelhas", significado indígena da palavra Guaxupé, é a versão mais aceita para a denominação que ficou até hoje. Tomou esse nome, por volta de 1814, o ribeirão e mais tarde o arraial, denominado Dores de Guaxupé. HISTÓRIA

Até o começo do século passado, o território em que se situa Guaxupé era mata virgem. As mais antigas referências dão conta de que somente em 1813 pés de homens civilizados pisaram a região que era habitada pelos primitivos O documento mais antigo sobre posse de terras até agora conhecido tem a data de 28 de outubro de 1818: É uma escritura passada em Jacuí e pela qual João Martins Pereira e sua mulher Maria de Jesus do Nascimento vendiam a Antônio Gomes da Silva "terras de cultura de matos virgens e serrados"na p…

ACAIACA / MG

BEM VINDO A CIDADE QUE EM QUALQUER DIREÇÃO QUE VOCÊ LER SEU NOME SERÁ SEMPRE O MESMO. BEM VINDO A ACAIACA. UMA CIDADE BELA AQUI DOIS CASARÕES DA CIDADE imagem - ? ACAIACA TEM 3.920 HABITANTES - IBGE 2010 - QUEM NASCE EM ACAIACA EH: ACAIAQUENSE A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 30 DE DEZEMBRO E FOI EMANCIPADA EM 1.962 ORIGEM DO NOME O TOPÔNIMO ATUAL TEVE ORIGEM NO FATO DE QUE OS ÍNDIOS QUE HABITAVAM O LOCAL, QUANDO DA CHEGADA DO HOMEM BRANCO, CHAMAVAM "ACAIACA" O CEDRO BRASILEIRO QUE ERA ABUNDANTE NA REGIÃO. HISTÓRIA ACAIACA TEVE COMO PRIMITIVOS HABITANTES, ABORÍGENES DE TRIBOS NÃO DEFINIDAS. VIERAM DEPOIS BANDEIRANTES E GARIMPEIROS, PROCEDENTES DE MARIANA, ESTABELECENDO-SE ÀS MARGENS DO RIO DO CARMO EM BUSCA DE OURO E DIAMANTES. ESTAS RIQUEZAS FORAM SE TORNANDO ESCASSAS, CEDENDO LUGAR AS ATIVIDADES AGRÍCOLAS E PECUÁRIAS, QUE ACABARAM POR DETERMINAR A FIXAÇÃO DOS MORADORES NA POVOAÇÃO QUE HAVIA SIDO FORMADA. ANTERIORMENTE A 1727 FOI CONSTRUÍDA A CAPELA, E POR VOLTA DO ANO DE 1874, A POPULAÇÃ…

ALHAMBRA / GRANADA / ESPANHA - Incrível fortaleza, Patrimônio da Humanidade e máximo legado mourisco na região

LINHA DO TEMPO DA "FORTALEZA ALHAMBRA" GRANADA ESPANHA /  Por séculos sob o domínio dos mouros, Granada foi o último posto de resistência antes da retomada da região pelos cristãos, em 1492 Provavelmente em nenhuma outra cidade espanhola a presença moura é tão fortemente sentida como em Granada. Foi nesse fértil território aos pés da Sierra Nevada que, em 1492, os reis católicos Isabel de Castela e Fernando de Aragão puseram fim aos 781 anos de domínio islâmico na Península Ibérica. Os mouros deixaram para trás riqueza e esplendor, sabiamente preservados. É o caso da fortaleza de Alhambra e seu palácio Generalife e do bairro de Albaicín, listados como Patrimônio da Humanidade pela Unesco e que atestam o grau de desenvolvimento da sociedade árabe daqueles tempos. A alma moura ainda reside nos hábitos de toda essa região. O Pátio dos Leões é um dos pontos célebres do Alhambra, complexo de palácios que foi o centro do poder muçulmano durante séculos COMO CHEGAR  Há voos diretos de…

VIÇOSA

SEJA BEM VINDO A CIDADE DE VIÇOSA. UMA CIDADE JOVEM E CULTA
imagem - ? VIÇOSA TEM UMA POPULAÇÃO É DE 72.244 HABITANTES, ( IBGE 2010 ) ALÉM DE UMA POPULAÇÃO FLUTUANTE DE APROXIMADAMENTE 20.000 PESSOAS, COMPOSTA PRINCIPALMENTE DE ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA E OUTRAS INSTITUIÇÕES.
QUEM NASCE EM VIÇOSA EH: VIÇOSENSE A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 30 DE SETEMBRO E FOI FUNDADA EM 1.871  ORIGEM DO NOME O topônimo de Viçosa foi uma homenagem ao Bispo D. Viçoso, da Arquidiocese de Mariana. TRATA-SE DE UMA CIDADE ESSENCIALMENTE UNIVERSITÁRIA, COM DESTAQUE PARA A UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA, CONTA AINDA COM OUTRAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR PRIVADAS COMO ESUV, FDV, UNIVIÇOSA, UNOPAR, ACENTUANDO AINDA MAIS O CARÁTER EDUCACIONAL DA CIDADE.  HISTÓRIA  A HISTÓRIA DE VIÇOSA SE INICIA, PROPRIAMENTE, NO SÉCULO XIX. FOI EM 1800, SEGUNDO APONTAMENTOS ECLESIÁSTICOS QUE O PADRE FRANCISCO JOSÉ DA SILVA OBTEVE DO BISPADO DE MARIANA PERMISSÃO PARA ERIGIR UMA ERMIDA EM HOMENAGEM A S…

IPATINGA / CIDADE DE AÇO

DE TUDO UM POUCO E UM POUCO DE TUDO - CLIK AQUI

BEM VINDO AO TERCEIRO MAIOR MERCADO TURÍSTICO DAS MINAS GERAIS. BEM VINDO A IPATINGA
copyrigth "Souza Soares"
IPATINGA TEM 239.428 HABITANTES (IBGE 2010)
QUEM NASCE EM IPATINFA EH: IPATINGUENSE
A CIDADE FAZ ANIVERSÁRIO EM 29 DE ABRIL E FOI FUNDADA EM 1964
A cidade nunca possuiu denominação que não fosse "Ipatinga". Existem várias versões para o nome do município, que vem da língua tupi e que significa "lago branco", através da junção dos termos upaba ("lago") e ting ("branco"). A versão mais popular relata que o nome Ipatinga nasceu de um arranjo elaborado pelo engenheiro Pedro Nolasco, a partir da junção de palavras, aproveitando os radicais IPA (da cidade de Ipanema) e TINGA (de Caratinga)
 Por volta de 1930, a Estação Ferroviária "Pedra Mole" foi transferida, após sucessivas tentativas de transposição da foz do Ribeirão Ipanema. O trajeto da Ferrovia Vitória-Minas, que …

MANAUS / AMAZONAS - Eh um polo industrial com ritmo intenso, muita gente, concreto e trânsito de veículos. Mas a floresta está lá, marcante na personalidade da cidade, nas frutas e peixes que caracterizam fortemente a culinária local, na riqueza do ciclo da borracha

LINHA DO TEMPO DE "MANAUS" / AMAZONAS / BRASIL É bom que o visitante de primeira viagem saiba: apesar de ser uma das principais portas de entrada da Amazônia, Manaus é um centro urbano agitado, bem diferente do ambiente bucólico da floresta. A cidade é um polo industrial com ritmo intenso, muita gente, concreto e trânsito de veículos. Mas a floresta está lá, marcante na personalidade da cidade, nas frutas e peixes que caracterizam fortemente a culinária local, na riqueza do ciclo da borracha, que permitiu erguer o patrimônio histórico no século 19 e 20, nos traços indígenas de boa parte da população, nas chuvas torrenciais. Animado para desvendar o melhor de Manaus? Então, siga nosso roteiro! Vista aérea do Rio Negro, em Manaus (AM) O Rio Negro tem 4 quilômetros entre as margens, apenas um sexto da distância na região de Anavilhanas. Mas se impressionar com o volume do Negro não é prerrogativa apenas das crianças. Durante o indefectível – e imperdível – passeio de barco até o e…

DORES DO INDAIÁ / MINAS GERAIS - Fundador e sede do Circuito Turístico "Caminhos do Indaiá" margeada pelo Rio São Francisco

LINHA DO TEMPO DA CIDADE DE "DORES DO INDAIÁ" / MINAS GERAIS / BRASIL Dores do Indaiá insere-se na política pública de turismo: é município fundador e sede do Circuito Turístico Caminhos do Indaiá. foto - ? Em 2003, tendo em vista da necessidade de adotar a política pública de turismo, o Governo de Minas Gerais, através da Secretaria de Estado de Turismo, instituiu o Decreto 43321, dispondo sobre o reconhecimento dos Circuitos Turísticos e sobre as normas de funcionamento. De acordo com o documento, “para os fins de promoção da política de turismo no âmbito do Estado, serão reconhecidos os Circuitos Turísticos institucionalizados e com personalidade jurídica registrada em cartório”, integrados por municípios “de uma mesma região, com afinidades culturais, sociais e econômicas que se unem para organizar e desenvolver a atividade turística regional de forma sustentável". foto - ? Assim, nasceu, em abril de 2008, o Circuito Turístico Caminhos do Indaiá, com a proposta de lev…

CONTAGEM / POLO COMERCIAL

BOM DIA. BEM VINDO A CONTAGEM. CIDADE PROGRESSO
copyrigth "Altemiro Olinto cris"
CONTAGEM TEM 603.048 HABITANTES (IBGE 2010) QUEM NASCE EM CONTAGEM É: CONTAGENSE. O IDH DO MUNICÍPIO É DE: 0,794 - CONSIDERADO MÉDIO PELOS INDICADORES DA ONU. Na época do Brasil-colônia, a Coroa portuguesa mantinha o controle sobre os territórios ocupados através de postos avançados chamados “postos de registro”. Tais postos fiscalizavam e registravam todo o movimento de pessoas e mercadorias, cargas e tropas. Ali, os viajantes, mercadores de escravos e tropeiros eram obrigados a parar e, enquanto as mercadorias eram registradas. CONTAVAM-SE TUDO. INCLUSIVE E PRINCIPALMENTE, AS BARRAS DE OURO, QUE IAM PARA O RIO DE JANEIRO. DAÍ O NOME "CONTAGEM."
No início do século XVII, nas terras da sesmaria do capitão João de Sousa Souto Maior, um terreno conhecido como Sítio das Abóboras, foi instalado um desses postos de fiscalização. Em 1715, Dom Brás Baltasar refere-se a este posto ao escrever …